Mulheres são maioria na MBigucci

Dia 8 de março o mundo comemorou mais um Dia das Mulheres e, diferentemente do mercado de construção civil das últimas décadas, a participação das mulheres no mercado de trabalho, em especial no setor imobiliário, vem crescendo a cada dia. Na MBigucci, em 2020 assim como nos últimos 4 anos, as colaboradoras foram maioria entre o capital humano (54% de mulheres).

E os dados só confirmam como é nítida a diferença da participação das mulheres no mercado de trabalho de hoje: na MBigucci, por exemplo, 75% dos gerentes são mulheres e colaboradoras também estão em 60% dos cargos de supervisão/coordenação e 84% dos cargos administrativos. 

Números bem acima quando comparados com o mercado de uma forma geral no Brasil. Segundo levantamento do IBGE (2019), as mulheres ocupavam apenas 37,4% dos cargos gerenciais.

Milton Bigucci, presidente da construtora relata o quanto este é um avanço ao setor e a diferença da atuação feminina ao longo dos seus 60 anos do ramo da construção civil (a completar em 19/05/2021). 

“Minha trajetória iniciou em 1961 no setor de Contabilidade da construtora Itapuã Comércio e Construções Ltda, no Ipiranga/SP. Poucas mulheres trabalhavam na empresa. Em 1983 quando fundei a MBigucci, após 22 anos de trabalho na Itapuã, a participação das mulheres ainda era limitada. Confesso que em 1984, quando minha filha Roberta Bigucci, pediu para trabalhar na nossa construtora, com apenas 13 anos, fiquei reticente, mas pouco tempo depois, em 1986, a Roberta já estava trabalhando conosco. Ao longo dos anos a participação feminina só cresceu”, comenta. 

Na MBigucci elas atuam gerenciando, dirigindo, com presença, determinação e resiliência sem igual! 

Leia as matérias publicadas na mídia que destacam nossas colaboradoras:

Roberta Bigucci (diretora)


Leia a matéria publicada na Imob Report

Leia a matéria publicada na Veja

Amanda Martins Montouto (gerente do Departamento Técnico)

Amanda Martins

Leia a matéria completa

Cecília Denadai (arquiteta)

Cecília

Leia a matéria completa

Natália Arneiro (engenheira)

Leia a matéria completa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *