Está comprovado que um animal de estimação traz grandes benefícios para a convivência humana, mas há casos em que o “melhor amigo” do homem, pode se tornar também o “pior inimigo” de seus vizinhos e do síndico.

Para viver em harmonia com seu bichinho e também com os demais moradores do condomínio, é importante ficar atento a algumas informações. Se você já mora em apartamento, e quer ter um bichinho, o ideal é que você levante todas as possibilidades antes da aquisição. A primeira coisa é pesquisar como a convenção e o regimento interno do seu condomínio tratam o assunto.

Se você comprou um apartamento na planta e já possui animais de estimação, é importante discutir o tema logo na primeira Assembleia de Convenção do Condomínio. Agora, se você adquiriu um apartamento cuja convenção já foi estabelecida também é possível sugerir o assunto nas reuniões de assembleia, para que seja inserido no regimento interno.

De acordo com o vice-presidente de Administração Imobiliária e Condomínios do Secovi-SP, Hubert Gebara, que também é diretor da Administradora Hubert, muitas das convenções de condomínio dizem que é proibida a permanência, mesmo que temporária, de animais ou aves nas dependências do condomínio, mas, dado o grande número de condôminos que possuem animais de estimação, esta questão foi sendo modificada. “Hoje, a jurisprudência (Justiça) está seguindo a seguinte regra: são permitidos animais de pequeno porte, limitados às unidades autônomas (apartamentos), desde que sejam transportados pelo elevador de serviço e não prejudiquem a tranquilidade, a saúde e a segurança dos demais condôminos”, informa Gebara.

Sanadas as questões legais do condomínio é hora de pensar no tipo de animal que você quer ter. Pesquise na internet, visite mais que um pet shop e converse sobre todos os detalhes com o vendedor: raças mais adequadas para apartamento, até que tamanho cresce, temperamento, entre outras questões. E lembre-se: animais de estimação vivem por muitos anos e precisam de muito carinho, atenção e cuidados e isto significa: dedicação e tempo disponível do dono.

Para mais dicas de como cuidar do seu bichinho no link: http://www.mbigucci.com.br/imagens/revistas/revista%20ok%20(baixa)_2626.pdf